Buscando solução para as rugas de preocupação!

Sou muito vaidosa, e reconheço que não está fácil aceitar as ruguinhas que vêm com a idade. Sou daquelas que abrem mão de muita coisa, mas não ficam sem seus cremes.

Acontece que minha dermatologista recomendou um sérum que é uma beleza, mas custa uma fortuna (pelo menos para mim). Não tenho vergonha de dizer que compro em parcelas e aproveito até a última gota do frasco.

Com o produto chegando ao fim, eu já estava ficando agoniada. Fiquei surpresa quando recebi um e-mail marketing da empresa com uma promoção de 20% de desconto. WOW! Como eles adivinharam que estava na hora de comprar? Adivinharam, uma ova!! A empresa conta com um super sistema que deve avisá-los quando o produto de alguém está chegando ao fim. Bom investimento nesse sistema, hein! Gostei! A promoção veio em boa hora!

Resolvi aproveitar a promoção. Assim que apertei o link “confirme seu pedido”, enviei o e-mail marketing para minha amiga, que não conhecia o produto ainda. Escrevi que era um creme milagroso, e estava com uma oferta imperdível. Ela comprou o produto dois dias depois (acho que foi pesquisar mais, para checar se eu não estava exagerando).

No dia seguinte ao da compra, ela recebeu o produto e mandou uma foto no WhatsApp, com o recado: “Chegou rápido! Adorei!”.

Peraí! Eu ainda não tinha recebido o sérum. E o meu frasco estava pior que o sistema Cantareira sem o volume morto! Sou cliente há mais tempo, comprei antes, vendi a marca para minha amiga e ainda não recebi o produto!

Será que fiz algo errado? Ou a administradora do cartão de crédito não aprovou a transação? Entrei no site para confirmar se o pedido havia mesmo sido feito. Estava tudo certo. Pedido datado em 26/06/2015. A entrega, prometida em 4 dias úteis, estava atrasada!

Telefonei para o SAC, e a atendente informa que eles estão com um problema na logística, e que não pode me dar uma previsão de entrega. Como assim?

Entrei no site (de novo) e procurei o campo “Fale conosco”. Deixei a seguinte mensagem:

“Olá, Sempre fui uma consumidora fiel da (nome da marca). Acredito que os produtos valem cada gota do frasco. Não é a primeira vez que compro com vocês, mas fiquei triste em saber que já se passaram os 4 dias úteis do meu pedido 1068904, feito em 26/06. Entrei em contato com o atendimento via telefone e fiquei ainda mais passada em saber que não tem previsão de entrega do produto. Por favor, não me desaponte, (nome da marca).

Diga-me quando terei o meu pedido, pois estou utilizando as últimas gotas do que tenho em casa. Espero, ao menos, uma resposta para este contato.“

A resposta veio, exatamente, em 25 horas:

“Olá Claudia, boa tarde!
Informamos que seu pedido já foi entregue à transportadora. Caso tenha interesse, acesse o link abaixo, onde poderá acompanhar a entrega do seu produto.

http://www.xxxx.com.br/outros/pesquisahttpentrega.asp?sCliente=000454&

Agradecemos seu contato e desejamos um excelente dia.

Qualquer dúvida, estamos inteiramente a sua disposição;

Atenciosamente,

Atendimento Loja Virtual (nome da marca).”

Gente, eu estou ficando analfabeta ou não existe nenhum sinal de pedido de desculpas? Depois dessa, como eles garantem a minha pele jovem e saudável? Fiquei passada! Não parece que a empresa diz: “Calma, mulher estressada. O produto está atrasado, e daí? Acesse o link e veja que você está fazendo tempestade num copo d’agua!”?

i20
Existem várias formas de faltar com a ética nas relações entre empresas e clientes: estabelecer cláusulas contratuais com informações dúbias ou sem clareza, deixar o cliente esperando desnecessariamente, entregar produto diferente do comprado… Desrespeitar o cumprimento de entregas do produto também faz parte dessa lista.

Problemas acontecem? Claro que acontecem. E são sábias (porém poucas) as empresas que tiram proveito disso, e ganham a confiança do cliente apresentando soluções para os problemas.

O produto chegou um dia após a resposta da empresa. Mas eu garanto a vocês que essa foi a última compra que fiz com ela.

Semanas depois, ganhei uma amostra de um produto concorrente. E não é que eu gostei? Ah-há! Vou contar às minhas amigas sobre esse achado!

E você? Não ficou revoltado(a) com essa história? Ou isso foi fichinha perto do que já aconteceu com você? Conta aí!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *